Governo do Distrito Federal

Jovens Embaixadores incentiva troca cultural entre Brasil e Estados Unidos

Estudantes norte-americanos ficarão hospedados em casas de famílias brasileiras de três estados para conhecer a cultura local

VINÍCIUS BRANDÃO, DA AGÊNCIA BRASÍLIA

Foram recebidos, na tarde desta terça-feira (5), os 27 alunos dos Estados Unidos que visitarão o Brasil como parte do programa Jovens Embaixadores. Eles ficarão em casas de famílias brasileiras para conhecer a cultura local.

O governador Rollemberg recebeu no Palácio do Buriti 27 alunos dos Estados Unidos.
O governador Rollemberg recebeu no Palácio do Buriti 27 alunos dos Estados Unidos. Foto: Toninho Tavares/Agência Brasília

Para agradecer a acolhida, o grupo foi representado pela estudante Celine Apenteng, que completou 16 anos de idade nesta terça-feira (5). “Obrigado por nos receber neste belo País. Espero aprender muito da cultura de vocês para poder contribuir lá em casa.”

O governador de Brasília, Rodrigo Rollemberg, participou da recepção no Palácio do Buriti. “Vocês vão conhecer o povo de três regiões diferentes do País: nas cidades de Juiz de Fora (Minas Gerais), Salvador (na Bahia) e Guarapuava (no Paraná).”

Ele aproveitou para comentar aspectos da cultura do Brasil. “Vocês testemunharão um momento muito significativo para os brasileiros, que é a Copa do Mundo. Vocês vão ver que aqui é um evento grandioso.”

572Quantidade de alunos brasileiros que já participaram do Jovens Embaixadores desde 2002

A estadia no Brasil durará três semanas e começará pela capital do País, de onde os rapazes partirão para as cidades em que cada um ficará. Antes, visitarão os Centros Interescolares de Línguas (CILs) do Paranoá e do Guará na quarta (6) e na quinta-feira (7), respectivamente.

Programa tem a parceria da Secretaria de Educação no DF

Criado em 2002, o programa é uma iniciativa da Embaixada dos Estados Unidos no Brasil e tem a parceria da Secretaria de Educação em Brasília.

A chefe da Assessoria Internacional, Renata Zuquim, lembrou que um dos objetivos do programa é incentivar o potencial de liderança dos jovens. “Eles ganham a possibilidade de experimentar a interação com outras culturas e aprender com essas trocas.”

Em janeiro deste ano, 50 alunos da rede pública de todo o Brasil, com dois de Brasília entre eles, viajaram para os Estados Unidos, onde se hospedaram em casas de famílias norte-americanas.

Já participaram da iniciativa 572 alunos brasileiros. Neste ano, foram mais de 23 mil candidatos inscritos.

EDIÇÃO: VANNILDO MENDES

Criança Candanga - Governo de Brasília

Governo do Distrito Federal